Se for poesia...
venha, pois pior que estar só é estar ausente de ti.
Textos
Ah, que falta me faz
beijar os lábios seus
ver o seu rosto emoldurado no melhor sorriso
que faz realçar o vermelho provocante da sua boca
e o aveludado da sua voz sem barreiras
 
Como eram agradáveis e divertidas
as nossas andanças pelas praças e feiras
as brincadeiras nas fontes d’água
o sorvete na tarde quente
a cerveja gelada com fritas, queijo e música ao vivo
 
As cores e bordados de tantas máscaras são inúteis
pois encobrem a carne das tuas palavras
escondem a beleza mais delicada
da sua expressão
mais doce
 
Mas o seu olhar ainda é visível e brilha
seu olhar faz uma festa impetuosa, divertida
cheia de nuances de muitas tonalidades
que me dizem tudo que não vejo em seus lábios
quando delicados tocam o tecido que poderia ser os lábios meus


 
(Imagem: www.jj.com.br)
Jefferson Lima
Enviado por Jefferson Lima em 13/06/2020
Alterado em 29/06/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários
Site do Escritor criado por Recanto das Letras