Entre, aproveite, aqui tem poesia e algo mais...
"o ofício dos artistas é elementar para manter a saúde psíquica sem entorpecer-se"
Textos
Véspera de Natal (uma analogia)

1. Em verdade vos digo que já podemos ver em nossos dias uma amostra do inferno.
2. O inferno será como um grande Shopping Center, num eterno fim de tarde de qualquer 24 de dezembro sem fim.
3. Lá haverá xingamentos, filas intermináveis, escadas rolantes paradas, elevadores em manutenção e aparelhos de ar condicionado enguiçados.
4. Um calor desgraçado, um tumulto sem fim, falsas promoções, pessoas falando alto e dando cotoveladas.
5. As praças de alimentação estarão sempre lotadas, sem mesas adicionais disponíveis.
6. Ninguém se entenderá nesse ambiente de confusão. A contenda e a discórdia prevalecerão.
7. No inferno, nem o bom velhinho terá paciência pra aguentar o choro das crianças e os pais não conseguirão realizar um único desejo de seus filhos.
8. Portanto, cuide para que você não caia na tentação das portas largas e luminosas de um Shopping Center.
9. Entre pela porta estreita dos botecos. Onde os garçons são poucos, mas servem a bebida gelada e são como anjos que te escutam e te ajudam a esquecer das desventuras da existência.
10. Lá encontrarás a paz que tanto procuras!
11. Que assim seja para todo o sempre.


(Imagem: Google)
Jefferson Lima
Enviado por Jefferson Lima em 23/12/2016
Alterado em 24/12/2019
Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários
Site do Escritor criado por Recanto das Letras