Entre, aproveite, aqui tem poesia e algo mais...
"o ofício dos artistas é elementar para manter a saúde psíquica sem entorpecer-se"
Textos
De onde vem essa força
que explode em poesia e,
sem que eu a controle,
sobe em calafrios e mareja os olhos?
 
Que invasor é esse
que arromba minhas fronteiras,
traz à memória dores esquecidas
e põe à prova minha sensibilidade?
 
Que alma é esta que se aloja em meu corpo,
que aceita ser atacada, desafiada,
levada aos extremos
para saber o que é vida?
 
Nos escombros de meus paradoxos
em vão cavo, garimpo respostas e
ouso sorrir com olhos e lábios,
sem definições nem certezas.
 
Enquanto, em versos, ofereço
esta carne que sangra.


* Este texto foi finalista do 2º Prêmio SESI-MG de Literatura / 2015
Jefferson Lima
Enviado por Jefferson Lima em 14/06/2015
Alterado em 28/02/2021
Copyright © 2015. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários
Site do Escritor criado por Recanto das Letras