Se for poesia...
venha, pois pior que estar só é estar ausente de ti.
Textos
O sorriso que brilha nos seus lábios,
Os beijos que deslizam da sua boca,
A sua voz quando fala de amor,
O seu corpo quando me abraça...
A melodia dos suspiros ao amar,
O suave roçar dos seus cabelos,
O bailar das suas curvas,
Seu perfume... incenso sagrado...
 
Momento infinito...
 
O simples toque de suas mãos,
Calafrio que percorre todo o corpo,
Encanto que não pode ser quebrado...
Olhos fechados para o beijo...
Boca entreaberta...
Um convite para ir além dos lábios
Carícias, calor, cabelos, suspiros, lençóis...
Labirinto impossível de sair...
 
Desejo que domina...
 
Ainda na ausência, você está
Em cada sonho...
Sonhando, sorrio
Ante os encantos da noite...
Em meus pensamentos,
Nas coisas lindas que vejo,
Ainda quando triste, me alegro
Pois seu amor é meu alento
 
A cada instante que penso em você...



(Imagem: internet)
 
Jefferson Lima
Enviado por Jefferson Lima em 11/11/2013
Alterado em 05/03/2018
Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários
Site do Escritor criado por Recanto das Letras